Críticas

Crítica: Nada Ortodoxa (Unorthodox)

Baseada no no best-seller “Unorthodox: The Scandalous Rejection of My Hasidic Roots” (livro de memórias de Deborah Feldman que não foi lançado aqui), Nada Ortodoxa conta a história de Esther Shapiro (Shira Haas) uma judia hassídica que sai de Nova Iorque para Berlim iniciando…

Crítica: Notas de Rebeldia (Uncorked)

O materialismo dialético é uma concepção filosófica antiga vinculada aos pais do socialismo científico, Engels e Marx. Dentre as suas máximas, está a concepção que o fixo (a estrutura material) e o fluxo (mercadorias, pessoas, ideias, informação e capital) moldam as sociedades e a…

Crítica: O Declínio (Jusqu’au déclin)

A Netflix nas últimas duas semanas parece estar fazendo um esforço tremendo pra ser o mais relevante e pertinente que pode ser uma plataforma que se presta a transmitir a todo o mundo uma produção artística dos mais variados locais. Se semana passada ela…

Crítica: A Casa (Hogar)

O mundo vive um momento de crise. Não essa crise de dois meses para cá. Uma crise econômica que já vem se manifestando há tempos. Não é nacional. É mundial. Certamente, porém, alguns governos locais batalhem avidamente para que ela se intensifique. O desemprego…

Crítica: A Máfia dos Tigres (Tiger King) – Minissérie

A Netflix é um verdadeiro monstro em produção de documentários em diversos formatos. Temos premiados longas – “A Indústria Americana” e “Democracia em Vertigem” -, curtas – “Os Capacetes Brancos” e “Absorvendo o Tabu” – e os estupidamente bons e seriais como “Making a…

Crítica: O Poço (El Hoyo)

Nesses tempos em que o coronga é apenas mais uma bolacha do pacote de desgraças cotidianas que nos assola, O Poço, do diretor espanhol Galder Gaztelu-Urrutia, surge como uma potente caricatura da nossa estrutura de sociedade fadada ao fracasso, ao desmascarar uma faceta que…