Adoráveis Mulheres (Little Women), dirigido por Greta Gerwig, lançado nos cinemas em 9 de janeiro de 2020

“Gerwig faz com que a narrativa de Alcott se torne atual. Subvertendo através de um ousado recurso que, ao mesmo tempo, rompe e mantém o desfecho original do livro, ela aponta um aspecto que reforça a relevância da obra ainda hoje. Adoráveis Mulheres acaba sendo uma declaração de que, seja em 1800 e tanto ou em 2020, mulheres ainda precisam gritar que, nas palavras da protagonista, elas possuem mentes, alma, ambição e talento, mais que apenas corações e beleza. É um filme forte e sensível. Simples e sofisticado.”
Por Marco Medeiros em crítica publicada em 12 de janeiro


1917, dirigido por Sam Mendes, lançado nos cinemas em 23 de janeiro de 2020

“1917 dá ao cinema o desejo de enfrentar os perigos na esperança de que o cinema seja sempre o espaço no qual contamos de nossas lágrimas, dores, feridas, mesquinharias, mas, também, o espaço que mostra que, apesar de pequeno, o homem também pode ser maior que a vida.”
Por Marco Medeiros em crítica publicada em 24 de janeiro

Sugestões para você: