Marco Medeiros às vezes acha que nasceu há dez mil anos atrás. Mil e uma utilidades, é professor e faz-tudo das palavras. Pai do Tequila, um pug com o demônio no corpo, se não fosse filho de seus pais queria ser fruto do cruzamento da Rita Lee com o Tom Hanks. Mexeu com Meryl Streep, mexeu com ele. Instagram: @marcomedeiros2009 Facebook: Marco Medeiros

Crítica: As Golpistas (Hustlers)

Em um determinado momento de As Golpistas, Ramona (Jennifer Lopez) diz que os Estados Unidos inteiro são um clube de strip-tease: “você tem as pessoas jogando dinheiro e as pessoas dançando”. A frase espertinha do roteiro dá uma ideia do tom e da agradável…

Crítica: A Vida Invisível

“A dor da gente não sai no jornal” canta Chico Buarque. Nem as nossas alegrias, nossas saudades. Mas, se os periódicos rejeitam a magnitude das vidas comuns, o cinema as eterniza e mostra a beleza e a amplitude que há em qualquer existência. Até…

Crítica: The Crown – 3a Temporada

“Só existe uma rainha”. A frase dita pela Princesa Margaret no último episódio da terceira temporada de The Crown soa como uma meia-verdade. Porque se Elizabeth II continua seu longo reinado em terras inglesas, no reino da Netflix a coroa mudou de cabeça. Cobrindo…

Crítica: Azougue Nazaré

No interior de Pernambuco, a pequena cidade de Nazaré da Mata é palco de surreais acontecimentos. Nos imensos canaviais, um pai de santo executa um ritual com cinco caboclos de lança do Maracatu local, o Cambinda. Misteriosamente, eles desaparecem. Ao mesmo tempo, Catita (Valmir…

Crítica: Cadê Você, Bernadette? (Where’d You Go, Bernadette)

Goethe uma vez disse que a arquitetura é música petrificada. Bernadette Fox (Cate Blanchett) parece ter perdido todo o ritmo e harmonia de sua arte. Antes uma arquiteta renomada e premiada, depois de um acontecimento traumático, ela hoje é uma misantropa que vive apenas…

Crítica: Amor em Jogo (Kicking Out Shoshana)

Todd Phillips, o diretor do megassucesso “Coringa“, deu uma pisada na bola em entrevista recente. Mente por trás de comédias como “Se Beber Não Case”, ele culpou o politicamente correto pela sua decisão de abandonar o gênero. Para ele, a militância estaria destruindo o…