– Casal Improvável (Long Shot), de 2019, dirigido por Jonathan Levine

Vamos terminar com essa que é a melhor comédia romântica que vi nos últimos tempos. Em Casal Improvável (um nome bem ridículo e que entrega a trama do filme), Seth Rogen é Fred Flarsky, um jornalista maconheiro (tal qual todos os seus personagens) gente como a gente que, quando jovem, teve como babá a mulher que é hoje secretária de defesa dos EUA e potencial candidata à presidência, Charlotte Field, interpretada com o brilho e exuberância de sempre por Charlize Theron. Como todo bom moleque punheteiro de 11 anos, Fred evidentemente era apaixonado pela babá gostosa alguns anos mais velha. Anos depois, os dois se encontram, Charlotte está precisando de um redator e Flarsky está desempregado justamente por ser um jornalista de uma integridade que chega até a ser infantil. Pronto, o tal casal improvável está montado.

É nessa dinâmica de mulher mais velha e poderosa que se enamora de homem mais novo e esquisito que o filme se apoia, assim como no carisma e talento desses dois monstros da Hollywood de hoje em dia. Casal Improvável é uma comédia romântica que consegue, no tom certo, tocar e divertir na mesma medida, além de até mesmo convidar a uma certa reflexão por vezes. Entretenimento da melhor qualidade.

Sugestões para você: