O Operário (The Machinist), 2004,  dirigido por Brad Anderson

Christian Bale e sua entrega aos seus personagens já são duas coisas totalmente indiscutíveis, vide seu trabalho incrível com ele quase irreconhecível em “Vice“. Indo na contramão física do encorpado Dick Cheney no filme supracitado, Bale incorpora Trevor, um metalúrgico com uma séria crise de insônia.

Jogando com o que é real ou não, embarcamos numa jornada intensa e estressante de dor e culpa, com uma série de eventos desconfortantes tomando palco que são tão misteriosos para Trevor quanto são para a gente. Há aqui uma atmosfera de filme dos anos 90 que da certa forma é nostálgica, com uma fotografia escura e tenebrosa típica de filmes de suspense dessa década.

Sem poder elaborar mais sob a pena de estragar sua diversão, não perca essa oportunidade.

Sugestões para você: