O Garimpo é um quadro do MetaFictions no qual indicamos toda semana 3 bons títulos disponíveis nas maiores plataformas de streaming. Clique aqui para conferir os anteriores.


Depois de um ano disponível em QUASE todos os continentes, o Disney+ chegou às terras latino-americanas e o Brasil já caiu de cabeça no amplo catálogo do serviço de streaming. Sua chegada provocou a consequente retirada de produções da Disney, Pixar, National Geographic e os universos Marvel e Star Wars de outros serviços, mas resultou num acervo incrível repleto de nostalgia e novidades.

Sabemos que dois fatores, dentre inúmeros, fazem da companhia do camundongo mais famoso do mundo essa titã do entretenimento: suas músicas e animações. Nas mais de oito décadas de sua existência, o estúdio veio se consolidando como líder no campo de desenhos animados e era impossível não ver pelo menos uma de suas músicas entre os maiores sucessos de tal ano e, francamente, todos os tempos. São tais aspectos que abordaremos neste garimpo inédito: três filmes sobre lendas, entre elas, um trio de compositores icônicos (infelizmente, apenas um deles está vivo até hoje) e a equipe por trás de algumas das animações mais aclamadas de sua história, além do musical que virou a Broadway de cabeça para baixo. Horas de aula e emoções que valem muito a pena! Partiu!


– The Boys: A História dos Sherman Brothers (The Boys: The Sherman Brothers’ Story), de 2009, dirigido por Gregory V. Sherman e Jeff Sherman

Antes da Amazon Prime lançar seu sucesso sobre vigilantes que lutam contra “super-heróis” abusadores de seus poderes, o titio Valdisnei lançou a carreira de dois rapazes cujos nomes você pode não lembrar, mas cujas músicas com certeza conhece! Se você já se encontrou cantarolando “Somente o Necessário” ou tentando pronunciar “Supercalifragilisticexpialidoso” estando sóbrio ou não, agradeça a genialidade dos irmãos Richard M. Sherman e Robert B, Sherman. Eles, que introduziram gerações de crianças a palavras exóticas (através do ato de “Shermanizar”) e mostraram a beleza das coisas simples da vida, como empinar uma pipa ou simplesmente passar tempo com sua família, têm o lado desconhecido de suas vidas introduzido ao público em The Boys: A História dos Sherman Brothers.

Estaria mentindo se não dissesse que procurava esse documentário desde 2018, mas não o achei em nenhum serviço de streaming, TV a cabo e piratear é crime. Felizmente, encontrei no momento certo. Por 1 hora e 41 minutos, somos apresentados às origens de Dick e Bob e aos bastidores de sua longa jornada até atingirem o pico mais alto de suas carreiras em 1964, quando “Mary Poppins” teve sua estreia mundial e levou 5 Oscars, dois deles apenas para a dupla (por sua trilha sonora e a cançãoChim Chim Cher-ee“). Com os depoimentos de vários nomes marcantes na vida e carreira dos Sherman, alguns até inesperados, viajaremos no tempo para aprender mais sobre os primeiros grandes nomes da música dessa amada companhia e é uma ótima pedida para gerações mais velhas que os introduziram a seus filhos, netos e por aí vai.

Sugestões para você: