Gypsy, criada por Lisa Rubin, disponível na Netflix

Quando as suas atitudes deixam de ser éticas? Quando uma compulsão sai do controle, quão longe você está disposto a ir para encobrir seus rastros? Essas duas perguntas vão te carregar por um carrossel de ansiedades na vida da psicóloga Jean Holloway (Naomi Watts), enquanto ela tenta ajudar seus pacientes. Em relações nada saudáveis, vemos seus pacientes sendo manipulados e tendo suas vidas significativamente alteradas sem consentimento por uma pessoa de confiança e com acesso a informações pessoais privilegiadas. Ao mesmo tempo vemos a vida pessoal de Jean bem conturbada em seu casamento com Michael (Billy Crudup) e com a identidade de gênero de sua pequena filha, Dolly (Maren Heary). Essa série original da NETFLIX consegue te deixar incerto de seu desfecho 100% do tempo e te fará questionar suas atitudes em relação às pessoas que te cercam.
Por Ryan Fields


Vice Principals, criada por Danny McBride e Jody Hill, disponível para assinantes da HBO no NOW da Net e na HBO GO ou HBO NOW

A premissa de Vice Principals é das coisas mais deliciosamente patéticas que já se viu. Na 1a temporada, o diretor do colégio North Jackson, interpretado brevissimamente por Bill Murray, se aposenta, o que faz com seus dois vice-diretores (cargo este que eu nem fazia ideia que existia) – o caipirão Gamby (Danny McBride) e a bicha-escrota-afetada-que-na-verdade-é-macho Lee Russel (Walton Goggins) – briguem pelo emprego, deflagrando no processo consequências, atitudes e eventos absolutamente inesperados para o que parecia ser uma comédia leve meio besteirol no início. McBride (também criador da série, roteirista e diretor de alguns episódios) e Goggins estão em estado de graça com seus personagens desbocados, politicamente incorretos e escrotíssimos, cada um a sua maneira. Nesta 2a temporada, Russel e Gamby lidam com o resultado dos eventos traumáticos do final da temporada anterior e, mais uma vez, entregam nove episódios engraçadíssimos, surpreendendo novamente ao final. Destaque absoluto para a briga do penúltimo episódio da temporada para deixar Peter Griffin e o frango no chinelo.
Por Gustavo David

Sugestões para você: