As Aventuras de Paddington 2 (Paddington 2), dirigido por Paul King, lançado em 1º de fevereiro

O dia era 28 de Janeiro de 2018. Lá estavam eu, Gustavo, o editor-chefe aqui do site, e seu sobrinho participando de uma cabine de imprensa de As Aventuras de Paddington 2. A aventura mostra a jornada do urso mais fofo do planeta para recuperar o presente de sua tia, que foi roubado. Por causa das encrencas em que o coitado se mete, a família Brown terá de ajudá-lo mais uma vez. Este não se trata apenas de um filme de família divertido, mas também de uma sequência de qualidade, das raras que superam o original, tanto que é um dos poucos filmes a receber 100% de aprovação no site Rotten Tomatoes. Com uma boa dose de comédia e momentos de soltar lágrimas, essa produção subestimada merece mais reconhecimento e amor do público.
Por Valentina Schmidt
Leia a Crítica Aqui!


Zama, dirigido por Lucrecia Martel, lançado em 29 de março

Zama é o coração de trópicos tão tristes quanto verdadeiros. A película retorce o espectador no encontro de um passado ainda vivo, onde os caudilhos são regurgitados pela selvageria e a suposta civilização ultrapassa toda e qualquer fronteira moral. Sem remorsos, sem meias palavras, com direção impecável e atuações magistrais, a obra é obrigatória na medida que expõe como poucas a foz dos esgotos abertos da América Latina.
Por Thotti Cardoso
Leia a Crítica Aqui!

Sugestões para você: