O Garimpo é um quadro do MetaFictions no qual indicamos toda semana bons títulos disponíveis nas maiores plataformas de streaming. Clique aqui para conferir os anteriores.


Parece-me bastante justo considerar que, seja lá no que for, a Alemanha é destaque no que faz. Futebol, política, reestruturação, educação, carros, filosofia, Arte em geral. Mais especificamente – já que é sempre nosso objeto de interesse aqui – no Cinema. Os alemães sempre me despertaram sincera curiosidade pela força que parecem guardar em seus espíritos inquebráveis, com sua frieza determinante. O alemão – costumo dizer – é um tipo que precisaria ser estudado.

Deste país de unificação tardia, se comparado às demais potências do velho mundo, muitas foram as contribuições deixadas para todos. Dentre elas, algumas que são referência em seus universos particulares, ad aeternum. Por isso, fazer um Garimpo Netflix: Alemanha, após tantas outras nações terem sido contempladas por este nosso quadro, se tornou imperativo.

Revirando o acervo do streaming à procura de obras menos conhecidas – apesar de uma ter tido maior visibilidade – encontramos três títulos que, em algum momento, dialogam entre si em relação a certos temas, mas que trazem narrativas e gêneros completamente diferentes. Um drama violento, uma série misteriosa e um romance doce-amargo são as bolas da vez para nossa homenagem aos amigos germânicos, capazes de atravessar crises e mais crises e se reerguerem de forma, por vezes, inexplicável.

Sugestões para você: