– Deidra e Laney Assaltam um Trem (Deidra & Laney Rob a Train), de 2017, dirigido por Sydney Freeland

Há alguns anos a Netflix apostava mais pesadamente em produções independentes e de baixo orçamento do Cinema americano. São vários os exemplos e já indicamos vários por aqui, mas essa tendência parece ter sumido com a gigante do streaming investindo mais em grandes e caríssimas produções típicas do cinemão hollywoodiano como o recente e lamentável (porém divertido) “Army of the Dead” e em obras de outros países. Um dos melhores longas produzidos nessa época é este Deidra e Laney Assaltam um Trem.

Em alguma cidadezinha no meio do nada em Idaho, Deidra e Laney são irmãs que precisam amadurecer muito antes do necessário porque tem um pai ausente (ainda que hilário) e uma mãe que tem um surto no trabalho e vai presa. Deidra (Ashleigh Murray), a mais velha e brilhante irmã de seus 18 anos, toma para si a tarefa de cuidar de Laney (Rachel Crow), de 16, e do moleque brabo Jet (Lance Gray). Para pagar as contas e também a fiança da mãe, Deidra e Laney desenvolvem um plano para roubar os trens que passam em frente a sua casa, descobrindo no processo a força dos laços familiares e como o destino é um negócio que é a gente que faz.

Sugestões para você: