Garimpo é um quadro do MetaFictions no qual indicamos toda semana 3 bons títulos disponíveis nas maiores plataformas de streaming. Clique aqui para conferir os anteriores.


Nosso Garimpo da semana mantém a tradição de indicações de filmes excelentes que passaram despercebidos pelo grande público e que estão ali dando sopa na nossa plataforma de streaming favorita, a Netflix (sim, ela é menina e já deixou isso claro aqui). São três obras de três países europeus diferentes e com linguagens bem distintas entre si, tendo em comum a sensibilidade dos roteiros e grandes histórias sendo contadas.

Fiquem com as dicas do nosso Garimpo Netflix #48!


– Elizabeth: A Idade de Ouro (Elizabeth: The Golden Age), de 2007, dirigido por Shekhar Kapur

Quase dez anos depois de seu deslumbrante papel de protagonista em “Elizabeth”, Cate Blanchett voltou a trabalhar com o diretor Shekhar Kapur para essa continuação. Aqui, temos uma rainha Elizabeth I um pouco mais velha e muito mais astuta na arte de reinar, enfrentando um potencial conflito exterior com a poderosa armada de Filipe II de Espanha (Jordi Mollà) e a traição de sua própria prima, Mary Stuart (Samantha Morton), em seu quintal britânico.

Para além da dramatização de eventos históricos de grande importância, o diretor é hábil em tornar relevantes os dramas pessoais da monarca, sempre forçada a sacrificar o amor em nome do dever, e o que faz esse filme merecer ser assistido é, para além da belíssima direção de arte, o enorme carisma que Blanchett imprime à personagem.

Apesar de ser uma continuação do primeiro Elizabeth de 1998 (que também merece sua atenção), este Elizabeth: A Idade de Ouro pode tranquilamente ser assistido separadamente. Deleite garantido. Assista!

Sugestões para você: