– O Jardim Secreto (The Secret Garden), de 1993, dirigido por Agnieszka Holland

Devo confessar que tenho uma fraqueza descomunal para filmes com crianças. Sou acometido de choros inconfessáveis ao assistir qualquer sofrimento advindo da sensibilidade infantil e devo admitir que isso pode interferir no meu julgamento de uma obra eventualmente. Felizmente não é o caso com este O Jardim Secreto, um filme sensível baseado na bela obra de Frances Hodgson Burnett e que passou incólume pelo difícil teste do tempo.

Como todas as grandes histórias para crianças, o longa carrega mensagens poderosas abaixo de uma superfície encantadora. Conta a história da jovem órfã Mary Lennox (Kate Maberly) na Índia nos primeiros anos do século passado (como me sinto um velho decrépito escrevendo isso…) enviada para a Inglaterra para viver na vasta propriedade de um tio. Com a ausência constante deste, há pouco para Mary fazer na mansão. Como uma criança entediada 100 anos atrás não tinha um maldito de um smartphone a mão, o que vocês, meus nobres 17 leitores, acham que elas faziam? Simples, elas iam explorar o mundo a sua volta, oras. E no caso de Mary, ela encontrará passagens secretas e até mesmo o quarto de sua falecida tia – e no quarto, uma chave para o jardim secreto do título.

Sob olhos infantis, este belo filme nos faz caminhar por um mundo fechado e fantasioso, emocionando na medida certa. Como informação, vale dizer que uma nova versão já está saindo do forno com previsão de estreia para abril deste ano. Corra para ver esse antes!

Sugestões para você: