– Toy Boy (Toy Boy), de 2019, série criada por César Benítez, Juan Carlos Cueto & Rocío Martínez Llano

A série Toy Boy tem muito de drama, um pouco de suspense, um pouco de romance, um pouco de crime e erotismo também. É uma espécie de Magic Mike mais recheado. Um ex gogo boy (strip dancer) está preso por um crime que alega não ter cometido. Hugo Beltrán (Jesús Mosquera) passa, então, a ter ajuda da jovem advogada Triana Marín (pela linda María Pedraza), já que seu escritório resolve defender o rapaz. Logo ambos não só vão experimentar uma atração bem clara um com o outro, mas vão perceber que há uma rede bizarra de intrigas e conspiração que tentaram incriminar o jovem stripper.

Apesar de uma forçada aqui ou outra ali (nada que nos tire da narrativa, porém), a série vai nos envolvendo à medida em que vamos descobrindo tudo o que está por trás das investigações e do primeiro julgamento de Hugo. Sem focar a história tão somente nele, mas também em seu grupo de strippers, a série consegue preencher suas horas com os dramas de cada um dos personagens apresentados, de maneira delicada e sensível.

Sugestões para você: