O Ano Mais Violento (A Most Violent Year), de 2014, dirigido por J.C. Chandor

Nova York, 1981. Pouco espaço para um imigrante investidor que tenta se fazer grande entre os chefões do mercado de transporte e distribuição de combustíveis. O cenário de extrema violência (a que o título se refere), aliado ao modelo pouco simpático de concorrência por parte dos demais empresários, faz com que Abel Morales (pelo excelente Oscar Isaac) se sinta vulnerável na proteção de sua família, bem como de seus negócios. Querendo seguir em frente e se tornar um dos grandes, Abel se vê atado pelas constantes ameaças que sofre, desde uma tentativa de invasão à sua casa até roubos de carregamento de seus caminhões.

Contando com o suporte de sua mulher, Anna Morales (pela perfeição em forma de mulher Jessica Chastain), uma figura imponente, exalando poder e controle, Abel fica acuado quando percebe que não conseguirá pagar o empréstimo para a compra de um terreno onde pretende fundar nova parte de sua empresa, correndo o risco de perder tudo. Apesar disso, ambos se unem para tentar encontrar uma saída de forma que consigam atravessar o ano mais violento até ali.

Sugestões para você: