Esnobados pela crítica, amados pelo público e responsáveis por alçar trogloditas incapazes de falar a um nível de fama e estrelato que provavelmente não vai mais ser alcançado por nenhum outro ator, os filmes de ação apareceram timidamente mais ou menos por volta da década de 70, tomaram as bilheterias de assalto a partir da década de 80 e, hoje, com a popularização do subgênero “filme de super-herói” (que já encheu a porra do saco), estão mais fortes do que nunca.

“Make my day, punk!”

Em sua infância, o Cinema ainda não tinha os recurso técnicos para satisfatoriamente filmar cenas de ação, o que fazia com que os gêneros mais explorados fossem a comédia, o drama e os musicais, razão pela qual Shakespeare ainda ganha de lavada em quantidade de adaptações para a telona. Foi apenas a partir da década de 60, com os grandes faroestes, e da década de 70, com os filmes policiais como os de Dirty Harry (Clint Eastwood) e Shaft (Richard Roundtree), que o gênero começou a ganhar a força que o levaria a explodir na década de 80, trazendo à fama mundial gente graúda como Arnold Schwarzenegger, Sylvester Stallone e Michael Dudikoff (Rá!).

Nada grita “Hollywood” mais alto que as muitas explosões, tiros, e um sujeito sozinho matando outros mil para, ao final, salvar uma gostosa ou coisa que o valha. É o gênero do qual todo ano saem os maiores blockbusters e também os mais fumegantes cocôs, sendo que muitas vezes ambos se confundem. Basta dizer que foi daqui que saíram lendas como Chuck Norris, Bruce Lee e Lorenzo Lamas (Rá de novo!).

Lendas.

A Netflix tem uma boa seleção de filmes de ação, alguns óbvios, outros nem tanto, mas nenhum tão maravilhoso quanto os 2 da série Operação Invasão (The Raid), filmes tão descacetantes que inauguraram este quadro do Garimpo na semana de estreia do nosso site. O primeiro filme só não é o melhor filme de ação feito nos últimos anos por causa da existência de “Mad Max“.  Além deles, contudo, separei aqui mais três (e um bônus) para deleite dos nossos leitores e frustração das nossas leitoras.

Fiquem tranquilas, meninas, porque semana que vem sai o garimpo comédia romântica!

Sugestões para você: