Dupla Implacável (From Paris With Love), de 2010, dirigido por Pierre Morel

Com um nome em português gerado pela máquina de títulos genéricos que tantos serviços prestou a esse país, Dupla Implacável conta a história de James Reece (Jonathan Rhys Meyers), um jovem e ambicioso funcionário da embaixada americana em Paris. Ele é cooptado por alguém de dentro do governo americano para trabalhar diretamente com o melhor agente deles (seja lá eles quem forem), Charlie Wax (John Travolta). Acontece que Charlie Wax é um maluco do caralho e não vai parar de matar minorias em Paris até ele descobrir uma informação que ninguém sabe realmente do que se trata até o terço final do filme.

Dupla Implacável não inventa a roda e tampouco a melhora. Mas e daí?

O longa tem um roteiro que é surpreendentemente importante para a ação e é dirigido por Pierre Morel (do excelente Busca Implacável – repare no gerador de títulos genéricos funcionando novamente), o que se percebe nas cenas de ação todas filmadas com um milhão de cortes e ângulos. Travolta está ensandecidamente à vontade na pele do careca e barbudo Charlie Wax neste filme que é um grande e extremamente violento exemplar dos clássicos filmes de buddy cop.

Sugestões para você: