Conforme prometido no Garimpo Netflix: Filmes de Ação da semana passada, hoje – após tanta porrada, tiro e sangue – é o dia do amor. Na minha condição de macho, brocador e de quem chorou uma única vez em sua vida no cinema ao ver um filme do Steven Seagal em que o cachorro dele morre, confesso que foi difícil conseguir achar filmes a serem indicados. Assim como acontece com os filmes de ação e os de terror, a comédia romântica é formulaica ao extremo e, também como nos gêneros que citei, a maior parte de sua produção é sofrível justamente por isso, já que qualquer porcaria sempre terá seu público fiel, por pior que sejam o elenco, roteiro e afins.

E, quando não é este o caso, todo mundo já conhece o filme. A Netflix até que tem um bom catálogo de filmes com esse viés, a maioria deles já conhecidos do grande público – (500) Dias com ElaAmor a Toda Prova, Amor e Outras DrogasAmor Sem Escalas, por exemplo – e muitas bombas. Neste emaranhado, conseguimos aqui separar três obras únicas, dois longas e uma série, que misturam a comédia com o romance, passando longe dos clichês ou usando-os ao seu favor. Em comum, além do fato de que todas flertam pesadamente com a comédia e com o romance, é que todas são abrilhantadas por elencos excelentes.

Aproveitem!


Um Brinde À Amizade (Drinking Buddies), de 2013, dirigido por Joe Swanberg

Kate (Olivia Wilde) e Luke trabalham (Jake Johnson) juntos em uma cervejaria artesanal de Chigago e passam a maior do tempo enchendo suas caras e dando a maior pinta de que foram feitos um para o outro. Kate, contudo, namora com Chris (Ron Livingston) e Luke com Jill (Anna Kendrick), duas pessoas que, por sua vez, parecem ter muito a ver um com o outro. Vocês já entenderam aonde isso está indo, né?

É aí que está a beleza deste filme. Ao contrário do que a fórmula da comédia romântica exigiria, as coisas não acontecem exatamente como esperamos ao mesmo tempo que também acontecem, exatamente como é na vida. Calcado em belíssimas imagens de cervejas douradas e apetitosas, em um elenco azeitadíssimo (com destaque para Jake Johnson) e em diálogos muito bem escritos, Um Brinde À Amizade é também um brinde aos bons roteiros e à realidade da vida de cada um de nós, fugindo surpreendentemente dos clichês do gênero.

Sugestões para você: