O Garimpo é um quadro do MetaFictions no qual indicamos toda semana 3 bons títulos disponíveis nas maiores plataformas de streaming. Clique aqui para conferir os anteriores.


Já chegamos a mais de 100 garimpos Netflix e uns outros tantos Prime Video. Centenas de bons títulos foram encaminhados aos nossos leitores. Uns controversos, outros definitivamente obras-primas. Entre filmaços e bons filmes, também tivemos um dos mais visitados que foi O Garimpo dos Subestimados, contendo obras cuja maior nota no IMDb fora 4,5. Diante desse panorama, resolvi indicar três títulos específicos dentro de um universo de nicho: o terror.

Mas não é aquele tipo de terror que tenho defendido em minhas resenhas: o novo terror, que busca profundidade em sua narrativa, além dos elementos comuns ao gênero. O que procurei aqui foi algo muito específico: o terror para se juntar a galera e curtir uma tensão. E só.

Nessa perspectiva, as obras aqui listadas seguram as rédeas e promovem esta ideia. Para além disso, sobra muito pouco. Mas nem sempre queremos ver um filme de Arte ou uma obra reflexiva que nos faz repensar a vida, né? Às vezes, só queremos ligar a TV e mergulhar numa onda de tensão em uma história despretensiosa e que não quer ousar nem um pouco.


A Casa do Terror (Haunt), de 2019, dirigido por Scott Beck & Bryan Woods

É dia de Halloween e a galera da zoeira quer se divertir. Tal qual esse garimpo, só querem um bom momento de tensão. Eis que, diante deles, surge uma tal “Casa do Terror”, que promete uma experiência inesquecivelmente assustadora. E de fato é. E já sabemos que o suposto entretenimento será abrigo de toda forma de sadismo possível.

Como falado anteriormente, o lance aqui não é inovar, apesar de uma ou outra surpresa no meio do caminho dessa narrativa. Esse grupo de amigos, portanto, precisará batalhar a cada instante para conseguir sair vivo deste parque de diversões de pessoas insanas. A boa direção e fotografia criam a atmosfera necessária para que o espectador seja envolvido pela trama.

O típico terror com traços de drama, na figura de sua protagonista, encarna o medo e a tensão necessários para este tipo de obra.

Sugestões para você: