Coco. Vinho. Burguesia. Bocas. Essa é uma lista de coisas nas quais Gustavo David cospe. Advogado por formação, cinéfilo por opção e escroto por vocação, Gustavo David gosta de pensar ser capaz de esmagar um crânio humano com as próprias mãos, apesar de estar longe de ser.

Crítica: Baki – O Campeão (Baki) – 2a Parte

Esta é a crítica da 2a parte do anime. A crítica da 1a pode ser lida aqui. Meu primeiro contato com Baki – O Campeão foi como Baki – The Grappler e se deu principalmente por memes que invariavelmente retratavam homens impossivelmente gigantescos de…

Crítica: Vingadores: Ultimato (Avengers: Endgame)

Era meia-noite de uma quarta-feira quente na cidade de São Paulo. Eu havia acabado de passar as 2 horas anteriores enchendo o meu rabo num rodízio de comida japonesa muito bom cujo nome revelarei se eles me derem uns de graça. Chegando ao cinema,…

Crítica: O Gênio e o Louco (The Professor and the Madman)

Foi difícil esconder uma risada de escárnio ao ler a sinopse de O Gênio e o Louco. Trata-se de um filme que se propõe a contar a história de como o mundialmente conhecido e utilizado dicionário de Oxford foi editado. A primeira e corretíssima impressão…

Garimpo Netflix #16

O Garimpo é um quadro do MetaFictions no qual indicamos toda semana bons títulos disponíveis nas maiores plataformas de streaming. Clique aqui para conferir os anteriores. Hoje acordei me sentindo generoso e também tive um bom tempo durante uma crise bizarra de intoxicação alimentar para…

Crítica: Special – 1a Temporada

Há algum tempo a Netflix lançou a excelente sitcom “Atypical”, cujas duas temporadas lançadas nós resenhamos aqui e aqui. Nela acompanhávamos as desventuras de um menino com autismo passando pela puberdade e enfrentando os desafios inerentes à adolescência, só que com o handicap de…

Especial Game of Thrones: Quem Vai Sentar no Trono de Ferro?

No longínquo final de agosto de 2017, a HBO lançava o último episódio da penúltima temporada de Game Of Thrones, intitulado, com muita propriedade, de The Dragon and the Wolf, embora pudesse também ter sido chamado de “oba, incesto”, já que o título original…