Cineasta independente e professor de História. Fã número 1 de Iron Maiden em todo o Infinito. Amante incondicional de Cinema. "Eu gosto de todos os filmes. Mesmo quando um filme é ruim, eu gosto dele. Eu gosto dos filmes simplesmente pelo fato de eles existirem" (Giuseppe Tornatore)

Crítica: Todos Já Sabem (Everybody Knows)

Asghar Farhadi, o excelente diretor iraniano que assina os ótimos “O Passado” e “O Apartamento“, bem como o brilhante “A Separação”, demonstra claramente sua linha condutora narrativa: todas as suas obras têm, em comum, a análise aprofundada das relações familiares, mais especificamente aquelas que…

Crítica: A Frequência Kirlian (La Frecuencia Kirlian) – 1ª Temporada

Pela primeira vez – se não me falha a memória – estou a fazer a review de uma animação aqui no site. Vinda de um país que gosto muito e cuja cinematografia eu idolatro (Argentina), bebendo em um gênero no qual – aí, sim –…

Garimpo Netflix #7: Ryan Gosling

O Garimpo é um quadro do MetaFictions no qual indicamos toda semana 3 bons títulos disponíveis nas maiores plataformas de streaming. Clique aqui para conferir os anteriores. Poucos são os atores que eu gosto tanto quanto Ryan Gosling. Não é tão somente por ele ser…

Crítica: Close

Noomi Rapace (essa sueca-latina) é uma das atrizes de quem mais gosto. Seus olhos guardam uma expressão misteriosa. Suas feições e corpo trazem força aos personagens. Sua atuação é sempre muito marcante. Foi o principal motivo que me levou a assistir Close, lançado hoje pela Netflix:…

Crítica: Velvet Buzzsaw

A Arte parece minguar. Em um século no mínimo estranho estamos a ver alguns comportamentos sociais que enaltecem o ridículo e trazem à baila assuntos desprezíveis. A inteligência parece minguar. Dentro de uma lógica exclusivamente mercadológica, assistimos a educação formal tornar-se tão somente uma…

Crítica: High Society

“Os opostos se atraem”. Esta é uma regra científica específica que, tirada de seu contexto, é utilizada pelo senso-comum para definir algumas relações pessoais. A realidade é que, neste caso, os opostos se repelem. Não consigo ver alguém de bom caráter sendo atraído por…