Cineasta independente e professor de História. Fã número 1 de Iron Maiden em todo o Infinito. Amante incondicional de Cinema. "Eu gosto de todos os filmes. Mesmo quando um filme é ruim, eu gosto dele. Eu gosto dos filmes simplesmente pelo fato de eles existirem" (Giuseppe Tornatore)

Crítica: A Casa do Medo – Incidente em Ghostland (Ghostland)

Iniciado quase como uma ode da própria personagem do filme ao grande escritor americano de terror H. P. Lovecraft, o filme conta a história de Elizabeth e Vera, que estão de mudança, junto com a mãe, para a casa não mais habitada da tia….

Crítica: Making a Murderer – Parte 2

“O raio não cai duas vezes no mesmo lugar” reza o senso comum. Mas Steven Avery é a prova viva que depõe contra a regra do povo. Como vimos na parte 1 de Making a Murderer  (inclusive, presente em nosso Assista!), este homem fora condenado…

Crítica: O Primeiro Homem (First Man)

Nos idos de 2014, o então desconhecido Damien Chazelle apresentara ao mundo uma obra-prima de tirar o fôlego, conhecida pelo nome de “Whiplash” (objeto de um Assista! nosso) , levando-o a algumas indicações ao Oscar, em cuja cerimônia sentou-se mais afastado, quase como um…

Crítica: A Maldição da Residência Hill (The Haunting of Hill House)

A maior conquista que uma obra pode obter, seja qual for, é conseguir fazer seu interlocutor extrair da própria tantos aspectos quanto forem possíveis. Não que esta seja uma obrigação de toda e qualquer produção, mas quando um título consegue enveredar por tantos caminhos e,…

Crítica: Papillon

Em pleno contexto de radicalismos do mundo ocidental, os Estados Unidos lançam mais um remake (a rechear aquela lista que coloca cerca de 95% das obras atuais como não originais, isto é, baseadas em outras mídias, ou continuações ou releituras); este sobre liberdade ou sua…

Garimpo Netflix: Fortunas da Guerra

O Garimpo é um quadro do MetaFictions no qual indicamos toda semana bons títulos disponíveis nas maiores plataformas de streaming. Clique aqui para conferir os anteriores. Uma das cenas mais marcantes da História do Cinema vem daquele que é o melhor filme de ficção científica…