Tag: cinema espanhol

Crítica: Silenciadas (Akelarre)

Toda Arte é Arte do tempo presente, na mesma medida em que toda História é História do tempo presente. Os objetos, as narrativas, as produções, independente de quando se passam, refletem as necessidade do tempo de seu interlocutor e não do momento analisado histórica…

Crítica: Origens Secretas (Orígenes Secretos)

Caso alguém virasse pra você e fale “dracarys” e saísse desfilando com cara de esnobe, como você reagiria? Só existem duas respostas possíveis aqui. Ou você mandaria a pessoa se fuder ou você ficaria olhando sem entender porra nenhuma. Caso a sua resposta tenha…

Crítica: O Silêncio do Pântano (El Silencio del Pantano)

Como não foi possível mergulhar de cabeça naquela lama e aspirar toda a água necessária para que os meus pulmões parassem de funcionar e me livrassem de vez desta tortura, sigo vivo, com menos uma hora e meia de vida, disposto a tentar colocar…

Crítica: Legado nos Ossos (Legado en los Huesos)

Legado nos Ossos estreou na Netflix nesse final de semana e levantou uma pergunta inquietante enquanto eu assistia: o que suicídios com padrão similar, profanação de igrejas católicas, tradições religiosas de uma localidade e uma história familiar possuem em comum? Mais do que eu…

Crítica: A Casa (Hogar)

O mundo vive um momento de crise. Não essa crise de dois meses para cá. Uma crise econômica que já vem se manifestando há tempos. Não é nacional. É mundial. Certamente, porém, alguns governos locais batalhem avidamente para que ela se intensifique. O desemprego…

Crítica: O Poço (El Hoyo)

Nesses tempos em que o coronga é apenas mais uma bolacha do pacote de desgraças cotidianas que nos assola, O Poço, do diretor espanhol Galder Gaztelu-Urrutia, surge como uma potente caricatura da nossa estrutura de sociedade fadada ao fracasso, ao desmascarar uma faceta que…